segunda-feira, 16 de maio de 2016

Paralisação dos metroviários atinge 100% da frota nesta segunda, em BH


postado em 16/05/2016 07:36 / atualizado em 16/05/2016 08:14
Edésio Ferreira/EM/D.A Press
 Os usuários do metrô de Belo Horizonte encontraram os portões das estações fechados na manhã desta segunda-feira. Segundo informações do Sindicato dos Metroviários de Minas Gerais, 100% da frota está parada e a previsão é de que continue assim durante todo o dia. Para as 14h está marcada audiência no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), onde a categoria discute os desdobramentos da greve, as questões salariais e outras reivindicações.
O movimento contraria a decisão do TRT para que a categoria opere em escala mínima de 80% e paralisa totalmente o transporte metroviário. A expectativa é de que pelo menos 230 mil usuários utilizem o serviço por dia. Segundo a presidente do  Sindicato dos Metroviários de Minas Gerais, Alda Santos, a decisão pela paralisação total da frota se deu como forma de pressionar a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) quanto às reivindicações da categoria. Entre elas, a garantia do vale cultura, oferta de duas toalhas individuais, por ano aos empregados das oficinas de manutenção e reajuste salarial.

A concentração dos metroviários em audiência no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), às 14h, vai discutir as regras da escala mínima a ser mantida no sistema metroviário durante o período de greve. De acordo com o sindicato, o acordo feito entre a CBTU e o TRT não é adequado. “A empresa fechou em 80% dos funcionários no horário de pico e 50% no horário de vale, o que traz problemas de segurança para a operação”, informou a presidente. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Rocinha e outras 7 comunidades do Rio têm novos tiroteios

Pela manhã, criminosos atiraram contra policiais que faziam cerco à Rocinha, o que levou o governo do RJ a pedir reforço das Fo...