quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Três são baleados e um morre durante saidinha de banco em rua movimentada de Barbacena


Andréa Silva - Aqui
Publicação: 07/08/2013 18:26 Atualização: 07/08/2013 19:26

Moradores de Barbacena, na Região Central de Minas Gerais, viveram momentos de terror em uma avenida movimentada da cidade. Três pessoas foram baleadas na tarde desta quarta-feira durante uma saidinha de banco. Uma das vítimas, que foi atingida no peito, morreu antes de dar entrada na Santa Casa do município. Dois criminosos foram presos minutos após o crime. Um revólver foi apreendido e R$ 3 mil foram recuperados pela polícia. 

De acordo com a Polícia Militar (PM), Delton Duarte, de 62 anos, caminhava pela Rua XV de Novembro, no Centro, junto com a mulher, e carregando uma sacola contendo dinheiro, parecido com um malote, que ele havia acabado de sacar em uma agência do Banco Santander. Ao analisar as câmeras de segurança da agência e estabelecimentos próximos, a polícia identificou que um homem falava ao telefone celular dentro do bando e possivelmente passou as informações para os criminosos. 

Saiba mais...
Os dois assaltantes estacionaram uma moto na rua e seguiram a pé o casal. Um dos criminosos, armado com um revólver, anunciou o assalto e tentou pegar a quantia. Delton teria reagido e foi atingido por golpe conhecido como gravata, dado pelo assaltante. Durante a luta corporal, o homem atirou e a vítima acabou ferida na cabeça. 

Um pedestre, identificado como Marco Túlio Rodrigues Carneiro, 37 anos, que passava pelo local, tentou defender a vítima e também foi baleada no peito. Já Luiz Carlos Damasceno, 49, funcionário de um supermercado, assistiu toda a cena e também foi ajudar. O assaltante atirou novamente e o acertou na perna. O criminoso fugiu em uma moto juntamente com um comparsa. 

As vítimas foram socorridas por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhadas para a Santa Casa de Barbacena. De acordo com a assessoria de imprensa da unidade de saúde, Marco Túlio sofreu uma parada respiratória e morreu antes mesmo de ser atendido. Já Delton Duarte foi transferido para o Centro de Terapia Intensiva (CTI) do hospital em estado gravíssimo. Luiz Carlos, que foi atingido na perna, também está em estado grave.

Os dois criminosos fugiram do local. Um policial militar que estava a paisana, acionou a corporação e passou as características dos suspeitos. Um cerco foi montado na cidade, e a dupla acabou presa no Bairro São José. Com os assaltantes foram encontrados R$ 3 mil, um revólver e a moto usada no crime. Segundo a PM, os dois moram em Contagem e estavam presos há pouco tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário