quinta-feira, 29 de junho de 2017

Metrô, saúde e educação: veja quais serviços vão parar na greve geral em BH

Metrô vai parar na sexta-feira, assim como algumas escolas. No setor da saúde, hospitais devem funcionar com escala mínima

postado em 29/06/2017 12:17 / atualizado em 29/06/2017 12:25
Moradores de Belo Horizonte e da região metropolitana devem ficar atentos nesta sexta-feira, dia 30 de junho, dia de mais uma greve geral convocada pelas centrais sindicais em todo o país. As entidades protestam contra as reformas trabalhista, da Previdência, e contra o presidente Michel Temer. Amanhã, alguns serviços não vão funcionar.

O metrô de Belo Horizonte não vai circular nesta sexta, de acordo com o Sindicato dos Empregados em Transportes Metroviários e Conexos de Minas Gerais (Sindimetro-MG). A decisão foi tomada em uma assembleia da categoria na última segunda-feira, dia 27. Nesta quinta, às 18h, a categoria se reúne novamente, na Praça da Estação, para ratificar a decisão.
Por sua vez, o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Belo Horizonte e Região Metropolitana (STTR), que representa os motoristas e cobradores do transporte coletivo, disse que a entidade não convocou a participação dos trabalhadores na greve. Conforme a entidade, representantes vão estar nas estações e darão apoio ao funcionário que quiser aderir, mas ressalta que a decisão é individual.

No setor da saúde, há uma exigência legal que impede que os serviços sejam totalmente paralizados, mesmo em caso de greve. Dessa forma, o Sindicato Único dos Trabalhadores da Saúde de Minas Gerais (Sind-Saúde) informou que todas as unidades da Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig) estarão somente com a escala mínima na sexta-feira. Dentre as principais unidades de saúde que serão afetadas estão: Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, o Hospital Júlia Kubistchek e o Hospital Odete Valadares. De acordo com o Sind-Saúde, a Fhemig já foi notificada quanto à decisão.

Já o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de BH (Sindibel), que representa funcionários dos centros de saúde, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e outros setores da prefeitura da capital, afirmou que está convocando todos os funcionários para apoiar a greve geral, mas ainda não souberam informar quais setores vão aderir e de que forma. 

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Rede Pública Municipal de Belo Horizonte (Sind-Rede BH) informou que todas as escolas e Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) estarão paralisadas amanhã.

O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE), que representa as escolas estaduais, aderiu à paralisação e vai dar mais detalhes sobre o movimento em uma entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira com a Central Única dos Trabalhadores em Minas Gerais (CUT/MG), que será realizada na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).
Greve geral nesta sexta? Veja quais categorias já decidiram parar 24 Estadão Conteúdo Marina Pauliquevis São Paulo 29/06/201709h58 > Atualizada 29/06/201709h58 Ouvir texto 0:00 Imprimir Comunicar erro Marcelo Jus... - Veja mais em https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2017/06/29/greve-geral-nesta-sexta-veja-quais-categorias-ja-decidiram-parar.htm?cmpid=copiaecola
Greve geral nesta sexta? Veja quais categorias já decidiram parar 24 Estadão Conteúdo Marina Pauliquevis São Paulo 29/06/201709h58 > Atualizada 29/06/201709h58 Ouvir texto 0:00 Imprimir Comunicar erro Marcelo Jus... - Veja mais em https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2017/06/29/greve-geral-nesta-sexta-veja-quais-categorias-ja-decidiram-parar.htm?cmpid=copiaecola
Greve geral nesta sexta? Veja quais categorias já decidiram parar 24 Estadão Conteúdo Marina Pauliquevis São Paulo 29/06/201709h58 > Atualizada 29/06/201709h58 Ouvir texto 0:00 Imprimir Comunicar erro Marcelo Jus... - Veja mais em https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2017/06/29/greve-geral-nesta-sexta-veja-quais-categorias-ja-decidiram-parar.htm?cmpid=copiaecola

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Rocinha e outras 7 comunidades do Rio têm novos tiroteios

Pela manhã, criminosos atiraram contra policiais que faziam cerco à Rocinha, o que levou o governo do RJ a pedir reforço das Fo...