terça-feira, 29 de outubro de 2013

Mochila com cabeça de marido de PM é deixada na porta da casa da família


29/10/2013

Uma mochila com a cabeça do marido de uma policial militar da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) da Mangueira, zona norte, foi deixada na frente da casa da família, em Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro, na madrugada desta terça-feira (29).
A vítima, identificada como João Rodrigo Silva Santos, de 35 anos, é marido da PM.
De acordo com a PM, a casa onde a mochila foi deixada fica na esquina das ruas Rosa Martins com Laura Dias.
O local foi isolado para que agentes da Divisão de Homicídios realizem perícia.

De acordo com informações do 14º BPM (Bangu), João teria sido vítima de uma tentativa de assalto, por volta das 22h, seguido de sequestro relâmpago. Na ocasião, policiais montaram um cerco na região e realizaram patrulhamento para localiza-lo. No entanto, por volta das 6h, uma mochila foi encontrada na rua Laura Dias, número 19, na porta da residência da militar.
Outra hipótese, é que traficantes das comunidades Minha Deusa, Vila Vintém ou Curral, próximas à região, teriam envolvimento no crime. Agentes fazem buscas pelo local e a Divisão de Homicídios (DH) realiza perícia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atentado terrorista deixa morto e feridos em Barcelona

Mundo ME...