segunda-feira, 4 de julho de 2016

Casal e criança são as vítimas de acidente trágico na BR-277; motorista causador sobreviveu


Por Luiz Henrique de Oliveira, Denise Mello e Daniela Sevieri

acidente fora
Tragédia na BR-277 – Foto: Colaboração Banda B

Um incêndio em um caminhão-tanque carregado com etanol bloqueou totalmente os dois sentidos da BR-277, no km 33, na região de Morretes, litoral do Paraná. O acidente aconteceu por volta das 18h30 deste domingo (3), depois que o caminhão, que estava sem freio, trafegando pela pista de Curitiba para Paranaguá acertou uma mureta, invadiu a pista contrária e atingiu 12 veículos no sentido Curitiba.
Três pessoas morreram neste grave acidente, sendo um casal e uma criança. A princípio, a PRF chegou a informar que um bebê de 40 dias encontrado nas margens da rodovia com vida, seria do carro em que estavam as três vítimas fatais, porém, a informação não foi confirmada até o momento. O bebê foi encontrado e encaminhado ao Hospital Evangélico, em Curitiba, sem ferimentos graves.
O motorista do caminhão, que teria provocado o acidente, ficou ferido e prestará esclarecimentos a polícia judiciária. Ao todo, 15 pessoas ficaram feridas e foram socorridas ao Hospital Evangélico, ao Hospital São José, em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, e para o Pronto Socorro de Paranaguá. A pista sentido Paranaguá permaneceu interditada por mais de cinco horas e já foi liberada.
A causa
De acordo com o policial rodoviário federal, Wilson Martinez, assessor da PRF, tudo indica que o caminhão perdeu os freios. “O que pode ser apurado é que os freios do caminhão-tanque não funcionaram, ele bateu na mureta de proteção e invadiu a pista sentido Curitiba, atingindo 12 veículos. Infelizmente, alguns caminhões, com vários eixos, isolam os freios de alguns pneus e acontecem tragédias como essa. Não sabemos ainda se foi esse o caso deste acidente, mas a perícia vai poder informar”, afirmou o policial.
Segundo Martinez, testemunhas disseram que o motorista descia a serra já com sinais de que estaria com problemas nos freios.

Fotos
Confira aqui a galeria de fotos da tragédia.
Vídeo
Assista a um vídeo com os momentos logo após a tragédia:


Tempo real
Assim que houve o acidente, a Banda B passou a cobrir em tempo real todos os trágicos acontecimentos. O repórter Luiz Henrique de Oliveira narrou cada acontecimento. Segue o relato:
23:00: Encerramos aqui o tempo real. Cobertura completa amanhã no Portal da Banda B e na AM 550, a partir das 5h, no Jornal da Banda B 1° Edição.
22:51: RESUMO: O acidente aconteceu por volta das 18h. Um caminhão-tanque bateu contra a mureta no sentido Litoral e invadiu a pista contrária, onde aconteceu uma explosão. Bloqueio total da rodovia dura cinco horas e sem prazo de liberação. Três pessoas morreram e várias ficaram feridas. Motorista do caminhão que causou o acidente sobreviveu e será ouvido pela PRF. Não há prazo para liberação da rodovia. Chegou-se a informar quatro mortos, o que foi posteriormente negado. Dos três mortos, um casal e uma criança. A família estaria no carro em que um bebê foi jogado para fora, acredita-se que pelo pai. Hipótese do número de vítimas fatais aumentar é remota.
22:49: PRF traz agora informação de três mortes; dois adultos e uma criança, que estavam no mesmo carro do bebê que sobreviveu
22:29: Caminhão-tanque causador do acidente com quatro mortes na BR-277 estava carregado com etanol. Ainda não foi confirmada de qual empresa. Motorista sobreviveu e será ouvido pela PRF
22:20: BR 277 segue totalmente interditada em Morretes. Para Curitiba uma opção é sair no km 24 ou 29 e subir pela Estrada da Graciosa. (Informação Ecovia via twitter)
22:12: Segundo o agente Alexandre, da PRF, não há previsão para que o trabalhe termine. “Estamos com dificuldades para confirmar os modelos dos carros envolvidos. Sem previsão para informações mais precisas”, disse.
21:57: Um dos carros que foi carbonizadora era um Fiat Uno. Sem confirmações se alguém do veículo morreu
21:55: Neste momento, fogo controlado e trabalho de rescaldo no local. Três carros completamente carbonizados e três mortes confirmada
21:50: RESUMO: O acidente aconteceu por volta das 18h. Um caminhão-tanque bateu contra a mureta no sentido Litoral e invadiu a pista contrária, onde aconteceu uma explosão. Bloqueio total da rodovia dura quatro horas e sem prazo de liberação. Três pessoas morreram e, ao menos, oito ficaram feridas. Motorista que causou o acidente sobreviveu e será ouvido pela PRF. Número de mortos pode aumentar e não há prazo para que o trabalho de resgate termine.
21:42: PRF confirma que testemunhas viram o momento em que o pai, com o corpo em chamas, jogou o bebê para fora do veículo. A criança sobreviveu e foi socorrida. O pai e a mãe morreram carbonizados
21:40: Familiares buscam informações sobre carros envolvidos no acidente, mas PRF ainda não tem os modelos detalhados
21:37: PRF e Ecovia confirma 13 veículos envolvidos, o caminhão e doze carros de passeio
21:34: PRF confirma que motorista do caminhão causador do acidente sobreviveu. Ele será ouvido pela PRF
21:30: Tráfego segue interditado nos dois sentidos da BR-277 no km 33, em Morretes. Sem previsão de liberação do tráfego. Equipes seguem no local (Informação Twitter Ecovia)
21:21: PRF mantém informação de doze veículos envolvido no acidente, diferente do que aponta a Ecovia, de que seriam sete
21:15: Fechamento do trânsito aconteceu a pedido da Ecovia. Equipes agora trabalham para liberar o trânsito Pare e Siga, para que sentido Curitiba também possa fluir
21:12: PRF faz buscas em matagal para encontrar possíveis vítimas que se despiram e buscaram meios de apagar as chamas
21:10: Agente Edgar, da PRF, sobre atendimento no local do acidente neste momento: “Segue um trabalho intenso. Temos a confirmação de três mortes e informações não oficiais de cinco feridos de leve a grave. Ainda sem prazo para terminar os trabalhos
21:08: Neste momento, PRF bloqueia novamente o trânsito sentido Litoral, que seguia pelo acostamento
21h03: Internautas buscam com a Banda B informações de ônibus da Princesa dos Campos que saiu de Paranaguá às 17:45 com destino à Curitiba: Informação é que o ônibus está parado próximo a um retorno e os passageiros estão bem
21h: Há lentidão de cerca de 3 km na altura do km 33, na BR-277, sentido Curitiba. Pista do acostamento foi liberada na descida. (Twitter Ecovia)
20:52 Pista sentido Paranaguá com liberação de trânsito pelo acostamento. Pista sentido Curitiba, onde a tragédia foi maior, segue sem liberação
20:50 As vítimas mais graves estavam no sentido Curitiba. A informação da PRF é que o caminhão fazia sentido Paranaguá e invadiu a pista contrária
20:48 Ecovia, concessionária que administra o trecho, informa que o acidente não envolveu doze veículos, mas sim sete. O caminhão e seis veículos de passeio
20:46 PRF confirma que bebê que pode ter sido jogado de carro está com vida e foi levado ao hospital. Três mortes confirmadas
20:43 “Pior cena que já vi na vida. Estão falando em sete mortos”, diz jovem que está em ônibus próximo ao local do acidente
20:39 Bebê foi encontrado com vida próximo ao veículo em que duas pessoas morreram. A PRF acredita que os pais jogaram a criança no matagal para salvá-la
20:34: Acidente aconteceu no KM 33, em Morretes, no trecho de descida da Serra do Mar. PRF confirma três mortes.
20:32: Hospital Regional de Paranaguá confirma recebimento de quatro feridos em decorrência do acidente.
20:25: “São três mortes confirmadas, mas ainda há muito que ser feito no local. Situação continua caótica e sem previsão de terminar”, diz agente Edgar, da PRF.
20:20: PRF confirma três mortes e bebê encontrado no meio da vegetação com vida, de forma milagrosa. Ele pode ter sido ejetado de um veículo.
20:16: Neste momento estão descendo 6 guinchos sentido ao local do acidente, confira Polícia Rodoviária Federal. Duas mortes confirmadas.
20:14: Banda B recebe mais um vídeo impressionante do acidente:
20:08: PRF confira duas mortes. Caminhão-tanque perdeu o controle na Serra do Mar, desceu desgovernado e atingiu ao menos doze carros na pista sentido Litora, no km-33. Há vítimas feridas

Nenhum comentário:

Postar um comentário